Sabe o que faz um Técnico de Segurança do Trabalho? Confira!

25.10.2021

Por Grau Técnico

2 min de leitura

Estando inserido na categoria de Indústria e Construção, o Técnico em Segurança do Trabalho vai muito além dessas possibilidades. Existente nos mais diversos setores, esse é um trabalho cada vez mais presente em lugares dinâmicos e diversificados.

Confira no post tudo sobre a formação, o que é Segurança do Trabalho e o mercado de trabalho para esse tecnólogo tão conhecido e necessário à segurança de todos os demais funcionários. 

Técnico em Segurança do Trabalho: o que faz?

Sendo fundamental o desenvolvimento das atividades, no mercado de trabalho o Técnico em Segurança do Trabalho é constantemente procurado. Esse profissional tem o objetivo não só de prevenir, mas também de conscientizar os demais funcionários sobre formas de evitar graves acidentes. Tem como função as seguintes atividades:

  • Análise da segurança nos setores de produção;
  • Criação de formas para incentivar a utilização dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs);
  • Monitoramento da área;
  • Segmento das leis que regem o setor;
  • Criação de palestras para estimular esse tipo de ação.

Em geral, seu papel é acompanhar as equipes fazendo o monitoramento para que se possa evitar ou diminuir os riscos de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais nos funcionários. Deve-se pensar a longo prazo para manter sua equipe segura e amparada, sem nada que prejudique sua integridade física e psicológica.

Ao longo do curso, é possível realizar matérias como:

  • Legislação Aplicada à Saúde e Segurança no Trabalho;
  • Investigação e Análise de Acidentes;
  • Estatística Aplicada à Segurança no Trabalho;
  • Técnicas de Prevenção e Combate a Incêndio;
  • Medidas de Proteção Coletiva e Individual no Trabalho;
  • Patologia Ocupacional e Programa de Saúde;
  • Controle de Perdas e Gerenciamento de Riscos;
  • Sistema de Gestão de Qualidade.

Todas essas são matérias que visam a preparar o profissional para as mais diversas situações e adversidades. Também é feita a realização de atividades práticas para que os cenários e as possibilidades possam ser explorados e entendidos com excelência, aprofundando os conhecimentos adquiridos e ampliando sua visão.

Essa é a garantia de um profissional completo e altamente capacitado para as demandas do mercado, tendo uma grande oportunidade para manter equipe e ambiente seguros, livres de problemas à saúde. 

Mercado de trabalho e média salarial

Sabendo de sua importância e do papel fundamental que desempenha, essa é uma profissão bem valorizada no mercado de trabalho, financeiramente falando. 

Para o Técnico em Segurança do Trabalho, o salário médio é no valor de R$ 2.875,00. Já o teto salarial pode alcançar R$ 3.589,00, segundo levantamento do site Vagas.com.

As vagas no mercado estão cada vez mais em expansão para ele. Busca-se, a todo tempo, profissionais capacitados para desempenhar suas funções de acordo com as necessidades da empresa e as regras de segurança regidas no país, o que garante o funcionamento e a prestação de contas perante a lei. Para essas instituições, não é possível expor seus funcionários a situações ou locais sem que haja o acompanhamento do Técnico em Segurança para efetuar os procedimentos e as análises necessários que possibilitem a realização das atividades.

Áreas de atuação

Esse é um profissional diverso, que atua nos mais diferentes lugares e setores. É comum que seu trabalho seja desempenhado em indústrias e grandes empresas do setor de construção. Contudo, essa não é a única possibilidade. Agora também é comum que outros ambientes reconheçam a necessidade de ter esse profissional no quadro de funcionários, adotando-o à sua rotina.

Sabendo disso, sua atuação também pode ser encontrada em universidades, lojas de departamento, construção civil, montadoras etc. Seja pública ou privada, as empresas veem nesse técnico a oportunidade de oferecer segurança e conscientização aos seus funcionários. 

Onde fazer o Curso Técnico em Segurança do Trabalho?

A quantidade de oportunidades conseguidas por profissionais dessa área é surpreendente. Para quem busca um curso com boa remuneração e alta absorção pelo mercado de trabalho, é o recomendado. Com duração de dois anos, a formação em Técnico em Segurança do Trabalho é uma das melhores opções do país, levando-se em consideração a qualidade e o nome da instituição, além do custo-benefício.

Estar em um Curso Técnico de qualidade é a garantia da construção de alguém ético e preparado aos desafios que possam existir na profissão. O foco será sempre a realização de atividades práticas que sirvam para embasar e preparar esse futuro profissional. Então, não tenha dúvida e opte por uma instituição compromissada e de referência em todo o território nacional.

Além disso, essa pode ser a garantia que o mercado de trabalho precisa para realizar contratações mais rápidas, que levam em conta o já conhecido ensino daquele curso. 

Quer conhecer mais sobre as possibilidades e nuances da profissão? Acesse o site e saiba tudo que o futuro reserva para sua formação!


Compartilhe nas redes sociais

Gostou? Comente ;)

Matricule-se pelo Whatsapp